Inscrições abertas para o 4º DBM, Desafio Bicicletas ao Mar/Montanha

 

topoBlog

As inscrições foram encerradas, aguardem o próximo DBM.

Vamos dar início a mais um DBM, mas agora de duplo sentido, onde a letra “M” da nossa sigla terá dois significados, o de Mar e Montanha!

Daremos início o próximo DBM seguindo a tendência de evolução constante em busca da fórmula perfeita. Não sabe ainda o que vem a ser o DBM? Então clique aqui, saiba mais sobre sua história e retorne para continuar a leitura.

Senti a necessidade de dar uma maior atenção aos ciclistas nos DBMs anteriores, alguns precisavam de uma atenção mais individualizada e só conseguia dar “turma do fundão”, mas mesmo aqueles que disparavam na frente também precisavam de uma atenção mais direcionada, portanto essa nova fórmula tem como esse objetivo, individualizar as atenções e os treinos.

Outra mudança importante será na formação de grupos homogêneos, nada de ciclistas rápidos pedalando junto com ciclistas mais lentos, nada de ensinar técnicas de pelotão para aqueles ciclistas que sequer adquiriram perícia para andar ao lado de outros ciclistas e o melhor, teremos um time maior ainda de ex-desafiantes ajudando diretamente na troca de informações e experiências para que os ciclistas iniciantes vençam seus desafios, veja as principais mudanças que teremos.

Começando pela quantidade de inscrições dos Desafiantes que serão limitadas a 100 os inscritos serão divididos em 5 grupos, cada um deles liderados por um “Tutor”. Esse Tutor será um ciclista que já participou de um DBM e responsável diretamente por guiar seu grupo em todos os treinos, bem como acompanha-los individualmente e cobrar dos seus Desafiantes o comprometimento e perseverança para vencerem o Desafio. Minha maior função será a de treinar os tutores para eles passarem aos Desafiantes as informações mais básicas, assim eu poderei flutuar entre os grupos levando ensinamentos mais específicos.

Os tutores terão a ajuda de 5 guias escolhidos por eles, serão ciclistas experientes e que em sua maioria também já participaram e venceram algum DBM, pessoas que sabem exatamente quais serão as dificuldades que os Desafiantes irão encontrar.

As Categorias

Dos 5 grupos de Desafiantes que montaremos, dois deles, formados pelos ciclistas em estágio mais avançado de condicionamento físico, classificados como “Super Desafiantes”, para esse grupo o Desafio não se encerrará quando chegarem ao “Mar”, pois na semana seguinte a descida da Rota Márcia Prado, eles terão um desafio a altura da sua capacidade e dos seus treinos, irão superar uma “Montanha”.

A Montanha escolhida é a estrada que liga as cidades de Cunha a Parati, e esse pedal irá ocorrer na semana seguinte ao Desafio ao Mar, organizaremos uma Expedição Cicloturística em um final de semana inteiro, saindo de ônibus de São Paulo, na sexta a noite, até Parati e no dia seguinte os ciclistas vencerão cerca de 1600 metros de desnível até a cidade de Cunha, já em São Paulo.

Essa viagem será facultativa e cobrada a parte dos participantes, portanto é bom deixar claro que o valor da inscrição só contempla o treino para esse Desafio. O valor da viagem ainda não está definido, mas deve girar entre 300 a 400 reais, incluindo deslocamento em ônibus turismo, hospedagens e serviços de apoio durante as pedaladas. Esse valor vai depender da minha negociação e da quantidade de ciclistas que resolverem tentar superar o Desafio, lembrando que quanto maior o número de ciclistas, maiores as chances desse valor reduzir.

E os Masters e Praieiros?

No 3º DBM incluímos as categorias Masters, ciclistas experientes que gostariam de participar de todos os treinos e os Praieiros, ciclistas experientes que pretendiam apenas participar da descida da Rota Márcia Prado. Infelizmente não teremos o ciclista Praieiro nesse DBM até porque não teremos como encaixar de forma aleatória esses ciclistas nos grupos, sem falar que não tenho como avaliarmos se esses ciclistas são realmente experientes e tem condições de percorrer a Rota.

Mas manteremos a categoria Master com algumas mudanças, serão apenas 50 vagas e haverá algumas condições para o ciclista poder se inscrever. A começar que dessa vez o ciclista Master só terá direito a participação nos treinos de domingo, não mais dos treinos noturnos e só poderá se inscrever como Master o ciclista que já participou (e venceu) algum DBM anterior. Ciclistas que participaram e não conseguiram chegar à praia terão que se inscrever novamente como Desafiantes para participar.

Outra condição, esses 50 ciclistas também serão divididos entre os grupos (a critério da organização do Desafio) e deles cobraremos a manutenção do espírito do DBM, a de solidariedade, disposição para ajudar, ensinar e principalmente o espírito de doação ao grupo. O Ciclista Master terá que andar no ritmo do Tutor do grupo, seguirá as suas instruções e deverá se colocar a disposição das regras impostas pelo Tutor, sempre visando a segurança do grupo. O ciclista Master do 4º DBM será uma espécie de “estágio” para ele vir a participar como guia no futuro.

É bom lembrar que os guias de hoje, nada mais são do que ciclistas tiveram a oportunidade de ajudar em algum momento e assumiram a responsabilidade com muita dedicação, portanto se o seu objetivo é vestir uma “camiseta vermelha”, não será difícil descobrir o caminho das pedras para chegar lá.

foto01

Dessa forma, cada grupo terá a seguinte composição, terá um Tutor, 5 Guias, 20 Desafiantes e 10 Masters.

As novidades, nesse DBM teremos uma pré-avaliação de cada ciclista

Para montarmos os grupos homogêneos, com ciclistas que pedalam no mesmo ritmo, semanas antes do início dos treinos realizaremos um evento teste para avaliação individual de cada ciclista (veja mais a frente no calendário dos treinos). Essa avaliação consistirá em percorrer um trajeto específico, junto com uma avaliação de perícia e postural.

Essa avaliação irá ocorrer cerca de um mês antes do início oficial dos treinos, cada participante terá que percorrer um percurso com cerca de 40 quilômetros, percurso esse a ser realizado dentro da Ciclovia da Marginal Pinheiros. Com base nesses tempos, na avaliação de perícia e ergonômica, irei separar os ciclistas em grupos com as mesmas características, isso me possibilitará a elaboração de treinos bem mais específicos e direcionados. Na avaliação postural e ergonômica, farei as devidas correções posturais e se necessário o ciclista receberá um “Bike Fit” tudo para deixa-lo totalmente adaptado a sua bicicleta.

Caso o Desafiante ainda não tenha bicicleta, ou esteja prestes a trocar sua bike por um modelo melhor, ele também receberá ajuda para comprar uma bicicleta adequada ao seu tamanho, portanto é importante deixar essa intenção clara logo no momento da inscrição.

Apenas após essa avaliação é que irei classificar os ciclistas como Desafiantes ou Super Desafiantes, portanto no ato da inscrição todos serão Desafiantes. O perfil que imagino encontrar dos “Super Desafiantes” são de ciclistas que venceram com facilidade algum Desafio anterior e que deseja desenvolver ainda mais suas habilidades e melhorar sua performance. Mas esses ciclistas podem ser alguém sem muita experiência, que não participou dos DBMs anteriores mas que na avaliação apresentou um bom desempenho.

Nada também irá impedir que alguns dos Desafiantes, de acordo com sua evolução durante os treinos, se sintam encorajados a tentarem o Desafio da Montanha. Como eu sempre digo, pedalar é só 20% corpo e 80% cabeça, portanto não vou estranhar se algum desafiante que sofreu muito na avaliação consiga vencer o Desafio da Montanha, pois só dependerá mesmo de vocês.

Sobre os treinos do 4º DBM

Seguiremos o mesmo formato dos DBMs anteriores, com treinos as terças, quintas e domingos, sendo que depois da avaliação, possivelmente teremos treinos extras noturnos apenas para aqueles ciclistas que precisam de uma atenção maior, aqueles que apresentarem na avaliação uma dificuldade para pedalar em grupo. Esses treinos preparatórios tem a finalidade de ensinar a base para que ele tenha mais confiança quando começarem os treinos em grupos. Isso significa que se você é uma daquelas pessoas que aprendeu a pedalar a pouco tempo, pode se candidatar também ao Desafio. Esses treinos noturnos serão com no máximo 10 ciclistas e se necessário serão realizados em ambientes bem controlados (como parques e ciclovias), uma espécie de “Pré-DBM”.

Quando iniciarmos os treinos oficiais, os Desafiantes serão apresentados aos seus tutores e grupos de guias, sendo que esse grupo será o mesmo até o final do Desafio. Nesse DBM não haverá sinalização com placas nos treinos de domingo como ocorreu no 3º DBM, mas cada grupo de 20 ciclistas será guiado pelo seu tutor e pela equipe de 5 guias, isso abrirá a possibilidade dos grupos fazerem trajetos diferentes.

Os treinos noturnos de semana serão totalmente urbanos e cada grupo terá um percurso distinto, com saída e chegada no mesmo ponto de partida, sem carros de apoio e uma duração média de 2 a 3 horas.

Já os treinos de domingo podem sofrer algumas variações de trajeto e tanto os pontos de partida como de chegada sofrerão variações de acordo com o destino. Diferente dos DBMs anteriores, os trajetos de cada treino só será definido na semana que antecede ao mesmo, em algumas situações usaremos os trens da CPTM para chegar ao ponto de partida ou retornar para casa. Também poderemos usar ônibus rodoviários para chegar ou retornar de algum ponto específico e quando isso ocorrer, os gastos com transportes serão sempre de responsabilidade de cada participante (não está incluso na inscrição).

Nos treinos de domingo teremos apenas um carro de apoio, mas o objetivo desse carro será o de apenas dar apoio ao ciclista em emergências, como quedas, problemas de saúde ou mecânicos, etc. Levaremos ferramentas, peças de reposição, pneus reservas, o que for necessário para evitar com que o ciclista não possa continuar pedalando com seu grupo, seja qual for o problema que ele tiver com sua bicicleta. Haverá uma regra específica quanto ao uso do carro de apoio e ela estará detalhada no contrato que todos terão que assinar.

O retorno dos Brevês

O DBM não passa de uma ferramenta que colocamos a disposição dos Desafiantes para que eles vençam seus Desafios, por isso mais importante do que se inscrever é se dedicar aos treinos. Com o retorno dos Brevês, significa que cada ciclista só poderá participar de um treino de domingo se ele tiver participado do treino anterior.

Caso o ciclista falte em um ou mais treinos, ele será avaliado podendo ser trocado de grupo ou mesmo impedido de continuar no Desafio, sendo assim convidado a participar do próximo DBM, por isso volto a reforçar a importância de que o Desafiante abrace o DBM e se dedique ao máximo enquanto ele estiver ocorrendo. O DBM é lançado com quase dois meses de antecedência, para ajudá-lo nessa programação, portanto avise sua família, chefe, cachorro, que aconteça o que acontecer, durante o DBM você estará se dedicando a você e ao seu Desafio e que é de vital importância que todos te ajudem a ter dedicação total ao DBM.

O preço da inscrição e o que está incluso

O valor das inscrições é de R$270,00, veja abaixo o que a inscrição te dará de direitos.

  • Camiseta de Ciclista exclusiva do Desafio: Camiseta em Dry, com bolsos nas costas
  • Participação em 10 treinos noturnos e (12 para os Super Desafiantes que farão a viagem do Super Desafio) e mais a participação em 4 treinos dominicais, além da participação na descida da Rota Márcia Prado a ser realizada no dia 18 de agosto de 2013.
  • Carro de apoio nos treinos de domingo: carro estará a disposição do grupo para casos de emergência físicas (acidentes e problemas de saúde dos ciclistas) e mecânicas.
  • Avaliação e correção postural e consultoria mecânica: Cada ciclista passará por uma avaliação postural e ajuda para correções ergonômicas de forma que ele pedale da forma correta e tenha o máximo de desempenho durante as pedaladas. Caso o ciclista ainda não tenha uma bicicleta ele receberá uma consultoria para poder comprar a bicicleta ideal.

O que não está incluso na inscrição do DBM

  • Alimentação durante os treinos (iremos indicar pontos de parada durante o trajeto para abastecimento dos ciclistas)
  • Despesas com transportes para chegar ao ponto de início dos treinos ou para retornar

Inscrições para Categoria Master

Essas inscrições são diretamente comigo, se você participou de algum DBM e está a fim de participar desse como Master, basta mandar um email para bicicreteiro@gmail.com que eu envio as instruções de como se inscrever. O valor da inscrição do Ciclista Master é de R$150,00 e você terá direito a camiseta de ciclista exclusiva do evento, além do direito de participar dos treinos de domingo.

Calendário do 4º DBM

Abertura das Inscrições – 29 de maio

Encerramento das Inscrições – dia 03 de julho

Entrega dos Kits – Data ainda a definir

Início dos treinos noturnos – 16 de julho
Os treinos noturnos serão todas as terças e quintas até o dia 15 de agosto para quem fará o Desafio Bicicletas ao Mar e até o dia 22 de agosto para os desafiantes da montanha.

Local: Portão 4 do Parque do Ibirapuera
Horário: pontualmente as 20h30

Início dos treinos de domingo – 21 de julho
Serão 4 treinos dominicais com trajetos a serem divulgados apenas na semana que antecede cada treino. Todos os participantes receberão as instruções sobre os trajetos, pontos de partida e chegada por email durante a semana.

Dia do Desafio Bicicletas ao Mar – 18 de agosto

Dia do Desafio Bicicletas a Montanha – 24 de agosto

INFORMAÇÕES IMPORTANTE: Não haverá a possibilidade de devolução dos valores referentes a inscrição depois de pago.

Os Kits só serão entregues mediante a assinatura do contrato de prestação de serviços, contrato esse que está sendo elaborado e será disponibilizado nesse mesmo link para consulta em breve.

Os ciclistas só poderão participar dos treinos se estiverem com a camiseta exclusiva do Desafio.

Como eu faço para me inscrever?

Inscrições encerradas, para saber quando teremos o próximo DBM mande um email para bicicreteiro@gmail.com que incluiremos você em nosso mailling.

Perguntas mais frequentes

Inscrito como Master eu posso participar do Desafio da Montanha?
Sim, o Desafio da Montanha será uma Expedição Cicloturística como as que costumo organizar (A próxima será a Serra do Rio do Rastro, em junho) e são abertas a quaisquer ciclistas, participantes ou não do DBM. A diferença é que o Master não terá um acompanhamento personalizado como o Desafiante (e Super Desafiante) terá.

Pelas datas eu devo perder alguns treinos por causa de compromissos, mesmo assim consigo participar?
Sim, lembrando que como Master não há a necessidade de Brevê, pois como o Master já venceu um Desafio, ele sabe exatamente de como tem que estar o seu condicionamento para participar dos treinos. O Master pode participar de um treino apenas se quiser.
Já os Desafiantes, se eles não puderem participar de alguns treinos por motivos de viagem, por exemplo, como serão poucos podemos montar um plano de treinos para ele executar durante essa sua ausência. Esse plano será montado com base no seu desempenho na avaliação, por mais que ele seja iniciante, caso na avaliação a gente perceba que seu condicionamento está bom, a falta em alguns treinos não será problema.
O que pretendemos evitar com os Brevês é que algum ciclista inscrito, que não participou de nenhum treino, apareça no último e queira participar normalmente, consequentemente prejudicando os ciclistas que tanto se dedicaram aos treinos. Portanto se você se dedicar, seja nos treinos de grupo ou treinando sozinho, você poderá sim participar do Desafio normalmente.

 

 

6 thoughts on “Inscrições abertas para o 4º DBM, Desafio Bicicletas ao Mar/Montanha

  1. luis antonio pereira

    Moro em Pirassununga SP e pergunto se posso participar só da decida pra praia? Quanto fica.
    Obrigado

    Luis

    1. André Pasqualini Post author

      Oi Luis, infelizmente não temos mais a categoria Praieiros, agora mesmo se for participar só da descida o ciclista precisa pagar o valor normal. De qualquer forma as inscrições foram encerradas.

      Abs

      André

  2. Vinicius Vieira

    Andre, boa tarde!

    Gostaria de tirar uma duvida sobre o tipo de bikes compatível com o DMB.

    É possível realizar com bikes speed ?

    1. André Pasqualini Post author

      Fabio, essa viagem Parati a Cunha será uma Cicloexpedição que organizo e aberta a qualquer ciclista. A diferença dos Masters para os Super Desafiantes é que eles não poderão participar dos treinos noturnos e não terão um trabalho mais específico para o Desafio. No que diz respeito a preparação, farão por conta própria. Abs

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.