/* */

Chegamos ao quarto treino para o 2º Desafio Bicicletas ao Mar, estamos na reta final, aqueles que participaram dos primeiros treinos estão notando a evolução e ficando cada vez mais confiantes. No treino do próximo domingo colocaremos um pouco mais de dificuldade, incluindo estrada de terra no trajeto. A particularidade é que os primeiros 40 quilômetros do trajeto fazem parte da Rota Márcia Prado, mesmo trajeto que iremos percorrer no dia 02 de setembro.

Sairemos as 7h30 da manhã da Ciclovia da Marginal Pinheiros, no acesso da Vila Olímpia (cheguem cedo pois não teremos mais de 15 minutos de tolerância) e seguiremos por toda a Ciclovia, até sua saída na Miguel Yunes. De lá rumaremos pelo trajeto da Rota Márcia Prado, passando pela Ilha do Bororé. No quilômetro 40 saímos da rota e seguimos em direção ao Riacho Grande, onde provavelmente iremos parar para almoçar.

De Riacho Grande, passaremos por debaixo da Rodovia Anchieta e seguiremos pela Estrada Caminho do Mar, conhecida também por Estrada Velha de Santos. Entraremos , numa trilha de 13 quilômetros em estrada de terra, que nos levará a 8 quilômetros de Paranapiacaba. Dependendo do horário que sairmos da última trilha iremos até Paranapiacaba, do contrário, seguiremos direto a Rio Grande da Serra para pegarmos o trem rumo a São Paulo.

Minha sugestão é montar dois grupos, aqueles que quiserem ditar um ritmo mais forte para chegarem a tempo em Paranapiacaba, ditem seus ritmos e se guiem pela planilha, já o restante da galera vai no ritmo que eu impor. Abaixo todos os arquivos úteis para quem deseja participar do treino.

Planilha em pdf do treino de Paranapiacaba

Arquivo kml para abrir o trajeto no Google Earth

Arquivo gpx para jogar os tracks no GPS

Mapa no Bikely com o trajeto do treino

Falta pouco, os ciclistas que completarem esse treino, tanto iniciantes como experientes, já receberão  o Brevê para participar do Desafio. Todos os ciclistas que já se inscreverão, pagando ou não, poderão retirar os Brevês comigo no dia do treino. Até domingo.

André Pasqualini